10 de fev de 2016

DIY | Fantasias de Carnaval

Hi Guys!!

Quarta-feira de cinzas, acabou o Carnaval! Ahhh =(

Quem me acompanha nas redes sociais viu que postei no sábado (06/02), um vídeo novo lá no canal ensinando a fazer duas fantasias super fáceis para arrasar no carnaval, festa à fantasia ou halloween!


Então, como prometido, vim aqui fazer o post com o vídeo, as fotos das fantasias e do meu carnaval em Olinda, aqui em Pernambuco.


Eu A-M-O me fantasiar, pensar em cada detalhe, acessórios e maquiagem... esse ano resolvi pegar inspirações no Pinterest e alguns canais que sigo no youtube. Quando vi um tutorial em foto ensinando a fazer uma saia de tule, eu pirei e resolvi que ia fazer minhas próprias fantasias esse ano, já que sempre peço para uma costureira aqui da minha cidade fazer (Obrigada Betânia! Você arrasa sempre!).

Fui em busca primeiro da fantasia de Unicórnio, que eu sou apaixonada e achei que ia ficar bem original e fofinha para o carnaval. Depois de aprender a fazer a tiara de Unicórnio, foi a hora de passar para a segunda fantasia que eu já estava decidida que seria de Sereia, só faltava ver os acessórios. E o resultado foi esse:





"Always be yourself, unless you can be a Unicorn... 
Then always be a UNICORN." 





Aqui vão algumas inspirações que usei para fazer as maquiagens:



Espero que vocês tenham gostado e se inscrevam lá no canal do Youtube para ficar por dentro das novidades em primeira mão! ;)

Para ver mais fotos do Carnaval maravilhoso de Olinda, sigam no insta @vanessabastos e  @escondidinhodeborboleta. Ah! E me sigam no Snapchat ( vbastoss ) que sempre mostro algum produto novo por lá ou dou alguma dica de make. 

E nessa quarta-feira ingrata eu só tenho uma coisa à dizer:


E que venha meu aniversário porque fevereiro lindo ainda não acabou! <3

Beeijos e fiquem com Deus :*

30 de jan de 2016

Bezerros - No Passo do Frevo!

Hi Guys!!

Faltando poucos dias para o Carnaval, venho aqui hoje contar para vocês sobre uma visita super especial à Bezerros, cidade do interior de Pernambuco que é conhecida como Terra do Papangu! (Já explico o porquê!)


O convite veio da amiga, blogueira e colunista social Vera Souto Maior, que junto com a Secretaria de Educação de Bezerros nos proporcionaram um dia maravilhoso ao som de muito frevo e máscaras. Essa foi a primeira visita do nosso grupo Cultura em Evidência, estavam presentes além de mim, Verinha, o cantor Bruno Souto, o jornalista Igor Nóbrega e a blogueira Thaís Oliveira.


A cidade de Bezerros tem o maior Carnaval do Interior de Pernambuco e é terra de artistas renomados como Jota Borges, reconhecido internacionalmente pelas suas xilogravuras. 

Terra do Papangu: No final do Século XIX, era comum durante os Carnavais a figura dos Papangus, homens mascarados que se vestiam com roupas coloridas até o pé e iam de casa em casa assustar os amigos e familiares que não lhe davam "angu", um mingau de milho, prato típico do Agreste Pernambucano. Bezerros mantém essa tradição viva e leva centenas de Papangus as ruas nas troças e desfiles carnavalescos, por isso Terra dos Papangus.

Igor Nóbrega, Bruno Souto, Vera Souto Maior, Eduardo Ferreira, Vanessa Bastos, Sérgio Brayner e Thaís Oliveira.
Voltando para nossa visita cultural, iniciamos o passeio na Secretaria de Educação, Cultura e Esportes da Bezerros, onde fomos recebidos pelo Gerente de Cultura, Eduardo Ferreira e o Assessor Cultural, Sérgio Brayner. Fomos apresentados à programação do Carnaval 2016 e montamos o roteiro do dia. Serginho nos acompanhou durante todo o dia nos agraciando com a história e a arte do Carnaval Bezerrense.

Cultura em Evidência.
Segunda parada foi na casa do historiador e escritor, professor Ronaldo Souto Maior. Autor do livro "Bezerros, seus fatos e sua gente",o professor nos recebeu de braços abertos em sua residência e nos presenteou não só com seu livro, mas com histórias maravilhosas sobre a criação da cidade de Bezerros.

O historiador nos presenteou com seu livro e autografou cada um deles! <3

Logo após um mergulho na história, fomos em direção à Estação da Cultura, antiga estação de trem que foi transformada em Museu da Cidade e abriga também o Memorial do Papangu, onde podemos ver fantasias premiadas nos carnavais, inclusive algumas utilizadas no desfile da escola de samba Império da Tijuca em 2011

Na Estação, os visitantes podem escolher adereços para tirar foto em clima de frevo! 



Um das lindas fantasias de Papangu premiadas! 


Pertinho da Estação, fomos conhecer o restaurante Estação do Sabor, do querido Irandir Laurentino que nos recebeu divinamente com um delicioso caldinho de feijão e nos mostrou a cara nova do espaço com um toque autenticamente regional.


Selfie com o querido Irandir (ao fundo de camisa branca) em seu restaurante.
Pausa para o almoço no Hotel Brisa da Serra, às margens da BR 232. Repomos as energias, celulares devidamente carregados e então partimos para a segunda parte do roteiro.

Almoço maravilhoso à convite da Secretaria de Educação.
Chegamos enfim no Centro Literário Rui Barbosa, local que será palco do Baile Municipal da cidade! Conferimos em primeira mão os bastidores do evento, ornamentação e batemos um papo legal com o artista homenageado do Carnaval de Bezerros, Robeval Lima, que também está sendo homenageado no Baile desse ano junto com a bezerrense Miss Pernambuco 2010, Luziele Vasconcelos.

Com o homenageado do Carnaval e do Baile Municipal de Bezerros: Robeval Lima.

Última parada do dia, fomos ao ateliê do artista Lula Vassoureiro. Nomeado Patrimônio Vivo de Pernambuco, "Seu Lula", nos recepcionou com muito humor, contos e histórias.  Lula, na verdade se chama Amaro e recebeu o apelido herdado do pai "Zé Vassoureiro" que também era artesão e ensinou à seu filho sua arte. Reconhecido principalmente pela fabricação de máscaras de Papangu, feitas especialmente com papel machê e outros produtos recicláveis, Seu Lula ainda ministra aulas de fabricação dessas máscaras para crianças, jovens e adultos, perpetuando essa linda arte carnavalesca.

Patrimônio Vivo de Pernambuco, Seu Lula conquista à todos com seu humor e sua arte!
Corredor da fama no Ateliê de Seu Lula.

Queria agradecer aqui à Verinha pelo convite e à toda Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, através da Secretária Ladjane Torres. Deixo aqui o convite à quem não conhece, venha encher a bagagem de muito frevo no pé e cultura no coração dessa cidade cheia de artistas... quem já conhece, não precisa de convite, pois Bezerros está de portas abertas para receber todo mundo nesse Carnaval.

Carnaval de Alegria, Cultura e Cores! - Confira um pouco das atrações na FanPage do Blog :*
Espero que tenham gostado do post e continuem acompanhando o blog, pois ainda tem post essa semana para os foliões de plantão! <3

Beijos :*

6 de jan de 2016

#Wanderlust | San Francisco (part II)

Hii Guys!!

Como prometido, aqui está a segunda parte do post sobre San Francisco! #yay


No post passado foquei nos pontos interessantes para ver cercando a baía de São Francisco até o encontro com o Oceano Pacífico. Hoje, vou mostrar à vocês alguns dos lugares que conheci na cidade e um último lugar de frente para o Oceano. <3
  • HIPPY TREE, TIBURON - Para quem estiver com carro em San Francisco, vale a pena dirigir cerca de 27 km (meia horinha) até a cidadezinha fofa de Tiburon, onde morava o ator Robyn Williams. A Hippy Tree nada mais é que uma árvore gigante com um balanço lindo pendurado nela e uma vista de tirar o fôlego para toda baía. Para achar esse lugar desconhecido por muitos, basta colocar esse endereço no Google Maps100 Gilmartin Dr, Tiburon, CA 94920 , chegando lá estacione na rua ladeirosa e siga andando cerca de 3 min por uma trilha de mato baixo até a árvore. Neste mirante improvisado vocês enxerga a ponte Golden Gate ao fundo e a Angel Island, um dos mirantes mais lindos que conheci! Daqueles que te traz aquela paz só de olhar. <3




Ana! Minha guia favorita :*
  • LOMBARD STREET - Uma das ruas mais conhecidas do mundo, a Lombard St é uma rua super íngreme, em formato inusitado com curvas fechadas e calçada com tijolos vermelhos. A placa indica a velocidade recomendada: 8km/h!! hahaha Destaque para os jardins que cercam a rua e fazem toda a diferença para deixá-la ainda mais fofa. Outro ponto importante: como fica em um local elevado, a vista de lá também é maravilhosa!






Rua em frente à Lombard St. e lá no topo a Coit Tower, outra ponto para conhecer.
  • COIT TOWER - Localizada no alto da Telegraph Hill, a torre é um dos melhores lugares para se ver San Francisco do alto. Construída no período de 1929-1933, a Coit Tower tem o formato de uma mangueira de bombeiro em homenagem a milionária Lillie Hitchcock Coit, que deixou em sua morte uma fortuna para a construção de algo belo para a cidade e como ela era fã dos bombeiros, decidiram construir a torre nesse formato inusitado. História a parte, você pode chegar a torre de três jeitos: ônibus, carro ou a pé. A subida pelos degraus da Samson St é uma vista a parte da cidade por entre as árvores e jardins até a chegada na parte térrea da Coit Tower.  Chegando na torre, você pode admirar a vista do lado de fora ou subir no elevador dentro do prédio e ter uma visão ainda mais alta. Entrar na torre é de graça e você pode admirar os murais pintados por artistas no ano de 1930, além de visitar a lojinha com artigos fofos para comprar, mas para subir no elevador o preço é de $8 dólares, valor consideravelmente razoável. Eu subi e não me arrependo, apesar das janelas atrapalharem um pouco, não tem como negar que vista é incrível!

Painéis lindos retratando a época da Grande Depressão.


Lombard St. vista de longe.

  • PAINTED LADIES - Localizada na Alamo Square, as casinhas mais famosas de San Francisco  já serviram de cenário para muitos filmes e seriados, imagina a emoção de vê-las tão de pertinho?! Cenário típico americano, se você não estiver com pressa, vale à pena fazer um picnic no parque e sentar em frente as casinhas que parecem de boneca!



Companheiras de Road Trip: Bia e Lígia <3


  • OCEAN BEACH - O nome já diz tudo, uma praia linda de morrer, com vários penhascos e a perfeita escolha para assistir o pôr do sol em San Francisco... mas calma! Chegue antes das 17h e vá conhecer a Giant Camera, uma Câmera Obscura gigante localizada na Cliff House no topo da ladeira que leva à praia. Se você é amante da fotografia como eu, pelo valor de $3 dólares você pode entrar na câmera e admirar toda à praia lá de dentro, através de um jogo de espelho que refletem exatamente o que se passa lá fora! Quem não quiser gastar, vale a foto do lado de fora, afinal não é todo dia que se vê uma câmera gigante em frente a um penhasco com vista para o oceano! hahaha A praia também conta com as ruínas do Sutro Baths, um antigo clube coberto e privado com piscinas de água salgada, inicialmente tido como o maior complexo indoor de piscina do mundo em 1896. A Ocean Beach faz parte da área de recreação do Golden Gate National Park, parque esse, que está na minha lista de coisas que não tive tempo de conhecer nas duas vezes que fui!









  • UNION SQUARE - Localizada no coração de San Francisco, a Union Square é cercada por lojas, lanchonetes, shoppings e fica pertinho do "fim/começo da linha" do famoso Cable Car, bondinho característico de SF. Se você esperar no final onde eles giram o bondinho manualmente de volta ao trilho, você pode ter a oportunidade e pedir para tirar foto em um deles ou se você quiser, pode pagar e dar uma voltinha na cidade com ele! De lá voltamos para a Union Square em caça aos "corações de São Francisco", que são esculturas em forma de coração espalhados pela praça que fazem parte de um projeto para ajudar pessoas com problemas cardíacos! Muitos dos corações já foram leiloados e o projeto conseguiu arrecadar em torno de $2 milhões para o Hospital Geral de San Francisco. Inclusive no Pier 39 tem uma escultura nomeada de "Open Heart",pintada por um artista local em comemoração à vida da sua mãe que foi salva em uma cirurgia de coração aberto e conseguiu superar os problemas cardíacos que vinha enfrentando. Lindo não é? Consegui achar três corações na praça e me apaixonei por todos! <3




I left my heart in San Francisco <3



Onde ficar: HI San Francisco Fisherman's Wharf - reservamos pelo site Hostels que tem sempre descontos (pagamos $37 cada). O hostel não poderia ser melhor, localizado no Fort Mason bem no meio do parque nacional cercado por árvores e com vista privilegiada para a baía. Café da manhã incluso, Wi-Fi, computadores, sala de jogos, sala de filmes, descontos em transporte para o aeroporto e em passeios pela cidade. Para quem preza por conforto e segurança, ele oferece quartos privados com cozinha e banheiro separado! Como éramos 3, optamos pelo quarto privado feminino para quatro pessoas e deu tudo certo.

Foto: Google Images.
Quem ainda assim quiser ficar em hotel, aconselho procurar nos sites Expedia ou Hotwire, pois tende a ser bem mais cara a hospedagem e geralmente os hotéis mais baratos são longe do centro.

E aí? Gostaram das dicas?? Deixei meu coração em São Francisco e pretendo voltar muitas vezes para essa cidade apaixonante. Depois vou deixar aqui no post o arquivo que eu fiz com o roteiro pronto de 3 dias em San Francisco.

Aguardem o próximo post #Wanderlust com mais lugares lindos para visitar!

Beijos :*